Uma resenha no site Comunique-se sobre o Programa Alô Alô Brasil

Retirado do conceituado site Comunique-se uma resenha sobre o programa Alô Alô Brasil, que será exibido amanhã, sábado, dia 6 de dezembro de 2008.
______________________________________________________________

TV Brasil estréia programa sobre a história do rádio:

Sérgio Matsuura, Rio de Janeiro

"Mais que um simples programa televisivo, Alô Alô Brasil é um retorno ao passado para Carlos Alberto Vizeu, responsável pela pesquisa e direção da produção que irá ao ar pela TV Brasil a partir de 17/11, de segunda a sexta-feira, às 20h. “Eu sou de família de radialista. O rádio está no meu sangue. Eu comecei com 14 anos, depois fui para a TV”.

Dividido em dez capítulos, o programa conta fatos e histórias do veículo que está completando 85 anos. Lembra os pioneiros como Roquette Pinto e Dermeval Costa Lima; aborda a primeira transmissão, em 1923, da Rádio Sociedade do Rio de Janeiro; apresenta depoimentos de Ademar Casé, o preferido de Vizeu.

“Ele foi o primeiro a comprar um horário no rádio. Antes, ele era vendedor de aparelhos de rádio e via como a produção brasileira era ruim quando comparada com a americana. Ele estudou, pensou e resolveu ir para o outro lado do balcão”, explica.

São cerca de 20 anos de pesquisa e levantamento de material para a produção de Alô Alô Brasil. São jingles, programas de auditório, depoimentos, entre outros, que mostram “um rádio que não existe mais”. Segundo Vizeu, “ninguém mais saberia fazer aquele rádio”. Com um pingo de saudosismo, ele espera que o programa alcance um objetivo, que nada tem a ver com índices de audiência.

“Eu fico satisfeito se esse pessoal que faz rádio hoje assistir e conhecer um pouco da história”."

______________________________________________________

Um abraço,

Isabela Guedes.

blogdoradiocarioca@yahoo.com.br

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Entrevista com o locutor Sérgio Moraes- "Dos Pampas aos Seringais"

Humor no Rádio Esportivo Carioca- Uma deliciosa crônica do GRANDE Roberto Porto